Ruptura do Menisco: Saiba o que é e como ocorre!

Você já ouviu falar em Ruptura do Menisco? Essa lesão é mais comum do que você pensa, e pode ser bem dolorosa e incômoda. Continue a ler para saber mais sobre o que é, como pode acontecer e os principais sintomas.

Os Meniscos são as estruturas semicirculares responsáveis por amortecer o impacto dos movimentos e distribuir a força que fazemos, além de servirem como agentes lubrificantes. São compostos por tecido fibrocartilaginoso, e se localizam no centro do joelho, entre o osso da coxa e da perna (fêmur e tíbia). Cada perna possui dois tipos de menisco:

• O Menisco Lateral – que é mais móvel, e se encontra na parte externa da nossa perna.
• O Menisco Medial – que se encontra na parte interna da perna, está mais fixo na superfície da tíbia, e por este motivo é 20 vezes mais suscetível a lesões do que o menisco lateral.


O que é ruptura do menisco e como pode acontecer?

A ruptura do menisco é uma lesão que pode acontecer em pessoas de qualquer idade, tanto em atletas quanto em pessoas que não praticam esportes. Pode ocorrer em dois planos primários: o vertical e o horizontal.

Esse rompimento pode causar dor intensa, limitar a amplitude dos movimentos, travamentos, bloqueios e instabilidade nos joelhos. Há duas razões principais para ocorrer a ruptura do menisco:

• Lesão traumática – esse tipo de lesão está associada à execução de movimentos rotacionais bruscos do joelho. Geralmente ocorrem em atletas e pessoas jovens e ativas durante suas atividades esportivas, mas também podem acontecer durante as atividades do dia a dia
• Lesão por desgaste degenerativo – esse tipo é mais comum de acontecer em indivíduos acima dos 40 anos de idade e estão associadas ao desgaste progressivo destas estruturas.

Os principais fatores de risco são:
• Trauma agudo (lesão que ocorrem por torção);
• Artrite do joelho;
• Instabilidade do joelho;
• Histórico de lesão do ligamento cruzado anterior.

 

Ruptura do Menisco: Saiba o que é e como ocorre!


Principais sintomas 

O sintoma mais evidente de ruptura do menisco é a dor logo após a lesão. Essa dor é acompanhada por edema imediato e fluído no joelho (excesso de produção do líquido sinovial). Alguns pacientes relatam ouvir um estalo no momento da lesão e sentem o travamento do joelho.

A dor, a princípio, se mantém localizada na área interna ou externa do joelho, dependendo de qual menisco foi afetado, mas no decorrer dos dias o inchaço e a dor podem aumentar de intensidade. Isso pode levar à dificuldade de realizar tarefas simples diárias, como caminhar ou subir e descer escadas, e até mesmo a condições mais severas como o travamento da articulação do joelho.

 


Diagnóstico de Ruptura do Menisco

Identificar o local específico da lesão influencia, de modo direto, na escolha do tratamento. Os meniscos são estruturas que têm um fluxo sanguíneo de melhor qualidade nas sua região mais periférica. Isso significa que lesões ocasionadas nessa área tem maiores chances de cicatrização.

Para chegar a tais conclusões, o médico realiza o exame físico onde examina o joelho à procura dos pontos sensíveis à dor. Ele movimentará o joelho em várias direções e observará em quais pontos a dor é mais intensa.

Exames como o raio x podem ser solicitados para constatar possíveis lesões nos ossos do joelho, mas neste tipo de exame não diagnosticará a ruptura do menisco. Para isso, exames mais complexos como a ressonância nuclear magnética podem ser mais eficazes para precisar o diagnóstico.



Tratamentos

O tratamento varia de acordo com a gravidade da lesão. Medidas como aplicação de compressas de gelo sobre o joelho, uso de travesseiros embaixo da perna para elevar o joelho e uso de órteses são indicadas, principalmente para diminuir o edema. Podem ser prescritos medicamentos anti-inflamatórios e analgésicos também.

A fisioterapia e a realização de exercícios orientados também são ótimos aliados para a recuperação da ruptura no menisco.

Dificilmente a ruptura do menisco cicatriza espontaneamente, e nesses casos, a cirurgia reparadora é necessária. Procedimentos como a artroscopia ou a meniscectomia podem ser adotados.

A Bauerfeind tem um produto que pode ajudar você no processo de recuperação das lesões no joelho, inclusive a ruptura do menisco. Conheça a Joelheira Ortopédica GenuTrain S, ela fornece suporte seguro para o joelho sem atrapalhar a sua mobilidade.

 

 


LEIA MAIS SOBRE OUTRAS LESÕES RECORRENTES NOS MENISCOS!



FONTES

Voltar para o blog