Lesão nos Meniscos: Conheça quais as mais recorrentes.

O Menisco é uma das estruturas mais importante do joelho. Uma lesão nesta região pode afetar a mobilidade, independente se você é um atleta ou não. Já sentiu dor ou desconforto no joelho ao caminhar, subir ou descer escadas? Você pode estar com uma lesão nos Meniscos e nem saber. 

 

O que é a Lesão nos Meniscos? 

Os Meniscos são estruturas que protegem seus joelhos quando há impacto ou uma pancada diretamente no joelho ou na perna. Os Meniscos (lateral e medial) são cartilagens em forma de meia lua e estão situados entre o fêmur e a tíbia. Além de diminuir o impacto eles promovem a adaptação (melhoram o encaixe) entre estas duas estruturas do seu corpo.

 

Lesão nos Meniscos: Conheça quais são as mais recorrentes


Causas

As principais causas das lesões nos meniscos derivam do esporte ou de atividades que coloquem a integridade dos Meniscos em risco. As lesões ocorrerem sempre que os Meniscos, durante os movimentos do joelho, não acompanharem os côndilos nos seus deslocamentos. Nesse momento, eles adotam uma posição anormal e acabam sendo esmagados. No entanto, atividades mais corriqueiras também podem causar lesões:

• Movimentos bruscos de rotação sobre uma perna;
• Levantar muito peso utilizando as pernas;
• Fazer agachamentos muito profundos;
• Tropeçar e prender o pé enquanto caminha.

 

 

Sintomas

Atletas, pessoas com excesso de peso, com artrite, artrose ou outro problema que afete a articulação dos joelhos, são as mais propensas a apresentar este tipo de lesão. Entre os sintomas clássicos estão:

• Dor localizada à interlinha, medial ou lateral.
• Sensação que o joelho está falseando
• Sensação de bloqueio ou travamento ao andar.
• Dor à palpação.
• Rigidez e inchaço
• Incapacidade de mover o joelho em toda a amplitude de movimentos.

 

Diagnóstico e Tratamento 

O diagnóstico baseia-se na história da lesão e do exame físico clínico completo e detalhado do joelho. Geralmente o médico solicita um exame de imagem para confirmar o que foi diagnosticado clinicamente.

Já o tratamento deve ser conduzido de forma que o doente seja tratado, e não a doença, ou seja, há casos em que a indicação cirúrgica realmente trará benefício ao paciente, mas a melhor cirurgia é aquela que nunca precisamos fazer e o tratamento conservador deve ser introduzido através de uso de órteses, como a Joelheira Ortopédica GenuTraine da fisioterapia com os seguintes objetivos:

• Redução da inflamação e dos sinais inflamatórios (dor, rubor, calor, edema e perda de movimento);
• Regeneração do tecido muscular e cicatricial;
• Redução do espasmo muscular;
• Restaurar amplitude articular;
• Fortalecimento muscular;
• Ganho de controle motor;
• Propriocepção.

 

 

 

Fique atento! Quando a lesão não é diagnosticada e o tratamento não é realizado, é possível que ela se agrave. Uma lesão no Menisco pode levar ao aparecimento de artrose precoce no joelho afetado e em casos mais graves, como na ruptura do Menisco, pode trazer limitações para sua vida do dia a dia. Na presença de sintomas, é importante consultar o ortopedista para que seja feito um raio-X ou uma ressonância magnética para confirmar o diagnóstico.

 

 

VOCÊ TAMBÉM PODE SE INTERESSAR POR OUTROS ASSUNTOS EM NOSSO BLOG, JÁ OUVIU FALAR NA CONDROMALÁCIA PATELAR? UMA LESÃO QUE TAMBÉM CAUSA MUITAS DORES NO JOELHO!

 

Voltar para o blog